quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

A POSTURA DE DOIS TRAIDORES !


Quando olhamos para o colegiado apostólico de Jesus, o vemos que era de um resumido número de doze homens. Homens estes, que conviviam com Jesus (24 horas por dia) e que compartilhavam com Ele o aconchego da sua presença. E muito mais que isso, recebiam a provisão das suas necessidades físicas que provinha algumas vezes, (Milagrosamente). Tinham o privilégio de ouvir os seus preciosos ensinamentos, e além de tudo, viver com Ele as experiências do sobrenatural do seu poder.

Eles presenciaram as maravilhas e o sobrenatural de muitas curas. Foram leprosos, paralíticos, coxos, aleijados, cegos viram o milagre da multiplicação dos pães e dos peixes, viram o milagre de Jesus andando por sobre as águas, viram também Jesus falando com a tempestade e esta o obedecendo-o, viram também uma mulher com fluxo de sangue, doença essa incurável sendo curada somente ao tocar em suas vestes, e para resumir; três deles tiveram o privilégio de estarem no monte da transfiguração, na presença do próprio Deus e, ouviram a sua voz.

Então, eis ai uma intrigante indagação !

Como pode depois de viverem todas essas gloriosas e sobrenaturais experiências, ao lado de Jesus, existir no meio deles dois homens de comportamento reprovável, extremamente revoltante, o de serem (Traidores). O Primeiro chamado Judas por cobiçar o reluzir e o tilintar de trinta moedas de prata e, sendo usado pelo diabo traiu o seu mestre com um falso beijo. Depois sentindo grande Remorso, foi dar cabo da sua vida se enforcando numa arvore.

O Segundo, covardemente no momento em que seu mestre mais “precisava” de companhia, ele o negou por três vezes, traiu e praguejou diante da insistência da empregada em dizer:Você é um deles. Só que ocorreu neste caso,mais um milagre no relacionamento do Mestre com seu discípulo. Foi num raro momento que seus olhares se cruzaram, não houve nenhuma palavra, nenhum gesto, nenhum sinal, ”Somente um olhar”. Então, aquele discípulo medroso, covarde, que traíra o seu Senhor negando-o por ter medo de uma simples empregada, pode ver no olhar de Jesus; (Um afetuoso olhar de amor). Pedro caiu em si, profundamente arrependido sai e vai chorar amargamente.

Dois homens que traíram o seu mestre, tiveram na adversidade posturas diferentes. O primeiro; (Judas) quando o ato foi consumado, sentiu tão somente um insuportável Remorso, e foi suicidar-se. O segundo,(Pedro) sentiu um profundo arrependimento e, foi chorar amargamente seu pecado, e clamar por perdão. O Salmista Davi a muito tempo antes já havia dito no (Salmo 51. 17) “Sacrifícios agradáveis a Deus são o espírito quebrantado; coração compungido e contrito, não o desprezarás, ó Deus. A restauração completa de Pedro ocorreu na praia da Galiléia com uma emocionante pergunta: Também por três vezes: “Pedro Tu me amas? Então Pedro fitando o olhar de Jesus vê amor gracioso, vê reconciliação, vê perdão, restauração e entristecido por Jesus perguntar pela terceira vez, respondeu: Senhor, Tu sabes todas as cousas, Tu sabes que eu te amo. Jesus lhe disse: “Apascenta as minhas ovelhas”.

Resumo do texto
: 01) O Remorso; não justifica ninguém
02) O Arrependimento; é o caminho do perdão.

8 comentários:

Vivendo pela Palavra de Deus!!! disse...

Quando praticarmos qualquer pecado o segredo é arrepender-se e confessar , pois o contrario disso é um convite para o suicídio espiritual.Uma bela tarde meu irmão Eneas.

Samuel Balbino disse...

Graça e paz irmão Enéas!

Algumas pessoas estão muito equivocadas se acham que o simples fato de ficarem tristes depois de pecarem é um indício de que estão arrependidas. Mais que tristeza o arrependimento exige o abandono da prática pecaminosa, uma mudança no interior de quem pecou. Judas não mudou, ele apenas ficou triste, ao contrário de Pedro, que mudou em seu interior, mudou a sua atitude, confessou 3 vezes que amava a JESUS. Assim, também, nós precisamos mudar de atitude abandonando o que é pecado e confessando o nosso amor pelo Senhor, o nosso único Deus. Isto é arrependimento, e como bem disse o irmão, este sim é o verdadeiro caminho para o perdão de Deus.

Em, Cristo
Ir. Samuel

CORAÇÃO QUE PULSA disse...

Amigo...Essa foi a mensagem mais linda que tú escrevestes.
"UM OLHAR"... Bastou um olhar para que Pedro tivesse mais uma chance com o seu SENHOR.Aquele olhar foi de AMOR,PERDÃO, de SALVAÇÃO.
TÚ ÉS FIEL SENHOR!!!
Fica com DEUS.

Eneas Lara disse...

Amiga e irmã Irismar. Obrigado por sua preciosa visita e comentário. O verdadeiro arrependimento trás mudança, confissão. reconciliação e assim o perdão é a consequencia mais desejada de um coração faltoso. Fique com Deus.

Eneas Lara disse...

Olá Pr. Samuel! que grande honra tê-lo aqui comentando meu post. Quanto ao texto, é a expressão da dramaticidade daquele fato que nos dá grandes lições.E a maior de todas é sem duvida o Arrepender. Porque o primeiro passo a ser dado no caminhar para a gloria, é o arrependimento. Deus te abençoe grandemente.

Eneas Lara disse...

Olá minha querida amiga Clélia! Que prazer tão grande é te receber aqui no meu cantinho. Obrigado por tuas palavras sempre generosas e motivadoras. Te aquardo na próxima!.....Que Deus te abençoe muito. Fique com Ele.

Doidos por Cristo disse...

Ótimo blog,bem edificante....Sucessos!!

Missª Tatiana Borges disse...

Muito Bom querido, como é bom sentirmos o arrependimento e principalmente o perdão de Cristo!

Postar um comentário

Copyright © 2011 Eneas Cândido de Lara. Template customizado por Meri Pellens. Tecnologia do Blogger