sexta-feira, 3 de junho de 2011

DISSE JESUS:"NUNCA MAIS NASÇA FRUTO DE TI" !





Texto Básico: Mateus 21. 19

O texto nos diz que Jesus vinha voltando para a cidade, ou seja; de Betânia para Jerusalém, ele estava cansado, com fome, e ele avista a beira da estrada uma figueira. Então, ele vai até ela, remexe as suas folhas, mais não encontra nenhum fruto. “Então olhando para a figueira disse:“Nunca mais nasça fruto de ti, e a figueira secou imediatamente”. Veja aqui a explicação do evangelista .(Marcos 11 -13) Ele nos diz por que razão Jesus não encontrou fruto naquela figueira; “porque não era tempo da figueira produzir frutos”. Quando Jesus foi até aquela figueira, Jesus sabia muito bem que lá não tinha fruto nenhum . Mais então porque ele foi até aquela figueira?...... Foi Para nos dar uma imprescindível lição, e acima de tudo, uma séria advertência ensinando-nos que o tempo de Deus, não é o nosso tempo.

Essa figueira tinha um grande Álibe, não era seu tempo de produzir frutos. Mais preste atenção para uma coisa muito importante aqui da lição de Jesus. É que quando Jesus procura fruto numa fonte produtora de frutos, Ele quer encontrar frutos.----Meu irmão! Você pode entender aqui o recado de Jesus?. O que Jesus esta dizendo é: (Que eu e você), somos fontes produtoras de frutos e, que ele um dia vai procurar frutos em nós. Jesus disse : aquele que estando em mim não der fruto Ele corta. (João 15 -5) disse Jesus: “Eu sou a videira, vós os ramos, quem permanecer em mim, e eu nele esse da muito fruto”.

Eu fico a pensar como será o nosso encontro com Jesus, quando ele nos chamar. É uma coisa que nós não vamos escapar de jeito nenhum, a nossa hora vai chegar um dia, e ele vai nos perguntar. “O QUE VOCÊ FEZ COM A VIDA QUE EU TE DEI ?, ONDE ESTÃO OS FRUTOS?. Quantas vezes Jesus falou, insistiu, bateu na mesma tecla através de ensinamentos, parábolas, para que nós estejamos preparados para que essa hora não nos pegue de surpresa.
(Lucas 12 -40) disse Jesus: Eis que venho como ladrão á noite, quando ninguém estiver esperando. Ainda em (Mateus 24 -42) diz: Vigiai, porque não sabeis o dia e nem a hora que o senhor vai voltar. Este nosso encontro com Jesus pode acontecer em tempo mais ou menos esperado, previsto, ou como no caso da figueira da beira da estrada, em tempo inesperado, e imprevisto. Se hoje mesmo meu irmão você tiver que encontrar com Jesus como você esta? Esta preparado?. Há um ditado popular que diz; ( Para morrer basta estar vivo) De repente você constata que seu tempo acabou, e que agora não tem mais chance nenhuma de fazer nada, como estará sua aljava? Será que esta repleta de frutos preciosos para o senhor? Ou será que você ainda não conseguiu nenhum?.

Se você não os tem, ainda é tempo de arregaçar as mangas e começar a fazer alguma coisa na Seara do senhor, lutar incansavelmente até que o consiga. “SEJA UM RAMO QUE HONRE E DIGNIFIQUE A GLORIOSA E SANTA VIDEIRA EM QUE ESTAIS LIGADOS.

------- Certo dia eu conversava com uma jovem, que se encontrava afastada da igreja, então a convidei a voltar, então ela olhando para meus cabelos grisalhos disse; Sabe é o senhor que tem que tomar cuidado, Eu!.... sou muito jovem ainda tenho uma vida toda pela frente, qualquer hora, um dia talvez, a gente resolva voltar. Foi então, que lembrei do fato que mais me chama atenção, quando adentro á um cemitério, e andando a olhar para aqueles túmulos, noto existir ali pessoas de todas as idades, desde um bebe, Adolescentes, jovens até um avançado em idade. Isso quando olhamos para as inscrições expostas no epitáfio de cada túmulo com o dia do nascimento, e o dia da morte daquele que um dia passou por este mundo. (Então aqui está a riqueza do texto). Não sabemos o dia do nosso encontro com Jesus. E a pergunta que não se cala é: O que teria ele feito? Quais foram as suas obras? O que ele teria levado para a eternidade? ( Apocalipse 14 -13)diz;” que as nossas obras nos acompanham na eternidade”. Que responsabilidade, e ao mesmo tempo que galardão glorioso é poder levar por exemplo, o nosso prazeroso trabalho na seara do Senhor.

Que grande alegria, que prazer em ser servo de Cristo Jesus, trabalhar em prol da causa do seu reino sabendo da gloriosa recompensa que nos aguarda quando nós formos chamados por ele, pra nós prestarmos conta da nossa mordomia. Meu irmão não permita, que este encontro se torne num encontro vexatório, constrangedor, de dever não cumprido, de amor não correspondido, quando olharmos para Jesus, e ver em suas mãos, os sinais dos cravos, e constatar o que ele realmente fez por nós, morrendo numa cruz maldita por nos amar, com um amor eterno, divino, gracioso que nós não merecíamos.

Eu fico a pensar no dia em que vamos encontrar Jesus face a face, e ele nos perguntar “O QUE VOCÊ FEZ COM A VIDA QUE EU TE DEI?. ONDE ESTÃO OS FRUTOS? Há,.... é bem verdade que nem que tivéssemos trabalhado todos os dias, todas as horas das nossas vidas no serviço do seu reino, nem que nós tivéssemos feito o possível, e o impossível, jamais seriamos merecedores do que ele fez por nós morrendo numa Cruz maldita. Mais pelo menos, temos que lutar, incansavelmente para não chegar lá de mãos vazias, porque isso seria muito vergonhoso.
Quando Jesus disse que ele é a videira, e que nós somos os ramos, Jesus estava dizendo que frutos são ( IMPRESCINDIVEIS) nas nossas vidas com ele, porque frutos é a manifestação de reciprocidade do amor que temos para com ele. (João -15-8) disse Jesus. NISTO É GLORIFICADO MEU PAI.---- Nisto o que? Nos frutos que nós produzirmos, Deus fica feliz, e no bom sentido da palavra, fica orgulhoso, glorificado, quando um servo seu, é um ramo que em profusão, produz preciosos frutos na sua seara. ( João 7 -38 )Jesus disse; “Quem crer em mim do seu interior fluirão rios de águas vivas”. Ele não disse; Um conta gotas, uma torneira, um filete de águas, MAIS ELE DISSE: RIOS DE ÀGUAS VIVAS.!!!!!!!!!
A conseqüência inequívoca daquele que crê, daquele que é ramo ligado a videira que é Cristo Jesus, são os visíveis frutos que desabrocham da sua vida. (João 15 -8) continuou Jesus a dizer:”Em que deis muitos frutos”. O que Jesus espera de cada um de nós, é que produzamos muitos frutos, e complementando o seu ensinamento disse; E ASSIM, isto é, desse jeito, dessa forma é que TORNAREIS meus discípulos, sendo abundantes produtores de frutos. Lembram o que disse Jesus para figueira infrutífera da beira da estrada? Nunca mais nasça fruto de ti, e a figueira secou imediatamente.

Pense seriamente nisso!......, Jesus esta falando comigo e, também com você! .

8 comentários:

Andréia (Deus quer falar com você hoje) disse...

Amém irmão. Uma mensagem forte, mas absolutamente verdadeira. Temos que estar preparados em todo tempo.

Nas mãos de Deus disse...

A PAZ ENEAS LINDA POSTAGEM..
AINDA QUE A FIQUEIRA NÃO FLORESÇA , AINDA QUE A VIDEIRA NÃO DE SEUS FRUTOS, MESMO QUE NOS FALTE O ALIMENTO...
MESMO QUE POSSAMOS ADORAR E RECONHECER QUEM É O NOSSO DEUS
ABRAÇO ...KÁ

Cleyton disse...

Olá querido Irmão, Sua Postagens confortas os Corações muito BONITAS adorei. Estou seguindo. Juntos nos somos uma corrente. Segue o meu Também http://cleyton-santana.blogspot.com

Irismar Santos disse...

Como filhos de Deus somos orientados a depender do senhor Jesus, pois sem ele não somos nada e todas as vezes em que achamos que podemos realizar algo longe estamos fora do seus princípios. Somos o caule e ele a raiz é dele que vem a nossa capacidade por isso que não podemos dizer que nao podemos produzir!!!

Um belo fim de semana

Eneas Lara disse...

Oi querida irmã Andréia! sabe, esta mensagem não é só exortativa, como também é condicional. (Ver.2)Jesus disse: Se estais ligados a mim tem que produzir frutos(isso não é opcional) é obrigação irrevogável e determinante que qualifica o servo de Jesus, e até Ele usa a duríssima expressão "CORTA" e joga fora o servo parasita, que ociósamente não quer trabalhar.

Eneas Lara disse...

Olá Ká tudo bem? obrigado por tua preciosa visita é sempre uma alegria vê-la por aqui, e lendo os seus comentários. Que Deus te abençoe muito a sua vida. E volte sempre tá!

Eneas Lara disse...

Olá irmão Cleyton! obrigado pela visita e pelo comentário. Eu estive no teu blog, mas não pude postar porque vc não tem opção de fazer pela URL e só assim é que no momento posso postar, espero que tudo isso se resolva para mantermos um contato maior. Fique na paz do Senhor

Eneas Lara disse...

Oi Irismar! essa é uma mensagem profundamente importantíssima que nos alerta para sairmos da prostração, da inércia, do comodismo, das quatro paredes do templo, para o trabalho na seara do Senhor, porque foi exatamente pra isso que Ele nos chamou, para sermos servos. O que faz um servo? trabalha evidentemente, porque senão é despedido.Obrigado pela amável visita, e participação.

Postar um comentário

Copyright © 2011 Eneas Cândido de Lara. Template customizado por Meri Pellens. Tecnologia do Blogger