sexta-feira, 21 de outubro de 2011

UMA PARADOXAL CONFISSÃO !



Texto Básico: (Marcos 9. 24)

Um pai vivia um angustiante e desesperado momento em sua vida, seu filho era possesso de um espírito imundo, e sofria terrivelmente por isso. Ele ouviu falar de Jesus, então foi procurá-lO. Aquele pai a principio foi atendido pelos discípulos de Jesus, que não puderam ajudá-lo. Aquele pai desesperado já não sabia mais o que fazer, e talvez essa insegurança, o levasse a confessar paradoxalmente a sua fé a Jesus, quando disse: “Eu creio! Ajuda-me na minha falta de fé”. Sem dúvida foi uma confissão insegura e conflitante, contudo o fato dele ter procurado Jesus, era sinal de que ainda restava lá no fundo do seu coração uma pontinha de fé e esperança ainda que vacilante fosse.

Será que nós também não temos chegado a Jesus muitas vezes de forma semelhante? quando orando cremos em nosso pedido, também cremos que ele tem poder para nos atender, entretanto ficamos inseguro do seu pronto atendimento. Um tremendo e grande mistério Jesus revelou, para o pronto atendimento.(Mateus 21. 21) Disse Jesus: “Se tiverdes fé e não duvidardes”. Este é o segredo de uma oração que move o coração de Deus, e faz o milagre acontecer. Voltando ao sofrido pai, ele por certo já teria feito de tudo para solucionar o problema, e até a pouco instante tinha falado com os discípulos de Jesus, mas eles não puderam ajudá-lo, foi então que vendo Jesus, o interveio. Enquanto conversavam, este pai viu seu filho ser outra vez oprimido pelo maligno, então desesperado roga a Jesus dizendo: Se tu podes alguma coisa, tem compaixão de nós!.

Respondeu Jesus: Se podes! Tudo é possível ao que crê. Diante disso; então o surpreendente pedido daquele pai: “Eu creio ! ajuda-me na minha falta de fé”. Diante de tanto sofrimento já vivido sem solução, ele queria crer, era o que mais desejava, mas já lhe faltava forças, entretanto arrancando do fundo da alma um resquício de esperança que não podemos chamar de fé, ele pede rogando a Jesus para que o ajude. Sem duvida que era um sinal de uma desfigurada fé, sufocada por sofrimentos e frustrações, então profere o seu contraditado pedido. Com certeza não foi o único, também em nossos dias, quantos que pelo muito sofrer, tem buscado soluções sem contudo, crer de fato que poderão alcançar.

Meu amigo, se esse for seu caso, eu quero te dizer que Jesus conhece o teu coração e a profundeza de tua alma, assim como via naquele sofrido pai a disposição para crer, embora as frustrações e o sofrimento o sufocasse. A despeito da sua fragilizada fé, ou a falta dela, Jesus curou seu filho. Se você precisar de uma benção, se precisar muito mais que isso, precisar de um milagre, mas sente-se impotente até para crer que Jesus pode fazer isso, não desista, faça como este pai aproxime-se de Jesus e peça: Ajuda-me Senhor na minha falta de fé!.......E receberás com certeza o gracioso socorro do Senhor.

Que a graça misericordiosa de Cristo Jesus esteja contigo, meu amado leitor desta mensagem. Amém!

1 comentários:

Filipe Ivo disse...

Olá irmão , com certeza se pedirmos com Fé certamente receberás , mas , contudo temos que pedir aquilo que estar em coerência com o coração de Deus , porque muitas das vezes o sofrimento que estamos passando é para a lapidação da nossa vida espiritual , nessa altura do campeonato só a graça de Deus nos vai bastar (2 Coríntios 12:9), para suportarmos as dificuldade , porque não sabemos orar como convém (Romanos 8:26), mas o mesmo Espirito nos ajuda a ter orações que será no mesmo foco da vontade de Deus para nossas vidas .

abraços
Fique com Deus

Novo post lá no blog
Quais são os atributos de Deus ?
www.chamadosdedeus.com/blog

Postar um comentário

Copyright © 2011 Eneas Cândido de Lara. Template customizado por Meri Pellens. Tecnologia do Blogger