sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

A PAZ VERDADEIRA QUE SOMENTE DEUS PODE DAR!!!

Conheci a historia de um advogado muito próspero e gozando de grande prestigio social, não só como defensor publico, mas também como um político de ilibado conceito administrativo. Em determinado momento da sua vida começou a sentir problemas de saúde e, relutava em ir ao médico. Depois da insistência dos familiares ele resolveu ir. Terminada a bateria de exames, ele foi chamado pelo médico, o qual lhe disse: Não se desespere, mesmo porque, não há nada que se possa fazer para mudar esse quadro. O senhor tem no máximo trinta dias de vida!
Desesperado aquele homem saiu dali, e chegando ao seu escritório pegou um revolver e deu um tiro no ouvido, caindo sobre a mesa na qual havia um bilhete deixado por ele escrito, com a seguinte mensagem: "Esposa querida, e amados filhos, me perdoem a minha extremada decisão em deixá-los, o faço isso porque estou desesperado e em grande agonia, de não ter ninguém neste mundo que possa me ajudar agora". Adeus!!!!.

Que grande tragédia é a vida do ser humano que não tem o Deus de toda consolação e paz, e que nEle não crê, e em suas asas não procura abrigo, até que passe as calamidades. O apostolo Paulo escrevendo aos (Filipenses 4.6-7)”Não andeis ansiosos de cousas alguma; em tudo, porém, sejam conhecidas, diante de Deus, as vossas petições, pela oração e pela suplica, com ações de graça. E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará o vosso coração e a vossa mente em Cristo Jesus”.

O rei Herodes mandou matar Tiago pelo simples fato de ser ele um Cristão(Atos 12. 1-19). Naquele tempo as pessoas tinham um gosto sádico de assistir a morte de outras pessoas, isso atraia verdadeiras multidões para ver o espetáculo das execuções. Então, Herodes querendo obter popularidade, mandou prender também a Pedro e preparava a sua execução para o dia seguinte. Pedro sabia o que teria que enfrentar. A tortura seguida de morte. Isso era motivo para ele passar as suas ultimas horas em desespero e profunda angustia, mas não foi isso que aconteceu. Ele dormiu tranqüilamente como se nada de mal os aguardava Ele cria no Deus de toda a paz, e estava disposto se fosse da sua vontade morrer, o faria para glorificação do seu santo nome.

Como nós reagiríamos se tivéssemos na mesma condição de Pedro?
 A paz verdadeira através da fé está ao alcance de todo aquele que crê, pois provém do trono da graça de Deus que faz com que todas as coisas cooperem para o bem dos que O amam. Durante aquele noite os crentes da cidade reuniram para orarem incessantemente em favor de Pedro, então Deus mandou o seu anjo para milagrosamente o libertá-lo, abrindo as algemas, assim também como os pesados portões.(Atos 12) Escapar daquela prisão era algo impossível, mas o nosso Deus é o Deus dos impossíveis o qual honra e os livra os que nEle confiam.Os que confiam no SENHOR são como o monte de Sião, que não se abala, firmes para sempre! (Salmo 125. 1)
Gloria seja para sempre ao Santo Nome do SENHOR, que nos dá a vitória em Nome de Jesus!!!!!!!!
Enéas Candido Lara

4 comentários:

Para a glória de Deus disse...

Amém irmão ! realmente é uma tragédia a vida do homem que não tem Deus e a sua paz, a paz que excede todo entendimento. Jesus disse que nEle teríamos paz, e que tivéssemos bom ânimo, pois Ele venceu este mundo! Belo texto. Obrigado pela visita ao meu blog, tbm estou te seguindo um abraço... Fique na paz!

Eneas Lara disse...

Obrigado querida irmã pela preciosa visita e, comentário! volte aqui sempre que desejar, será uma grande alegria te receber. Que Deus grandemente te abençoe!!!!!!!

Priscila disse...

A paz Eneas, seu blog é maravilhoso, parabéns. E que o nosso Deus possa continuar a te abençoar a cada dia mais, abraços!

cantinhodosevanglicos.blogspot.com

Eneas Lara disse...

Obrigado querida irmã Priscila, pela preciosa visita e, por suas amaveis palavras. Que Deus te abençoe grandemente a tua vida, e também o teu trabalhar como mensageira da palavra de Deus. Abraços pra vc também!!!!!!

Postar um comentário

Copyright © 2011 Eneas Cândido de Lara. Template customizado por Meri Pellens. Tecnologia do Blogger