sexta-feira, 30 de agosto de 2013

A MALDIÇÃO DO USADO LIVRE ARBÍTRIO!!!


Deus por amar o homem criado deu-lhes a Lei.
O diabo por querer destruí-lo, incitou-os aoLivre Arbítrio”.

Quando Deus colocou Adão e Eva no jardim do Éden, “Ele lhes deu a Lei”. (Gênesis 2. 16/17 "De toda árvore do jardim comerás livremente, mas da árvore do conhecimento do bem e do mal não comerás; porque, no dia em que dela comeres, certamente morrerás.Porém, o diabo astuto, ardiloso, sagaz veio e disse: (Gênesis 3. 5) Disse o diabo para Eva: “Porque Deus sabe que o dia em que dele comerdes se vos abrirão os olhos e, como Deus, sereis conhecedores do bem e do mal”. Sabe o que o diabo estava falando? “Eva,....tem algo que você não sabe. você tem o “Livre Arbítrio” tem o direito e o poder para fazer escolhas, use-o e serás igual a Deus. 

A primeira vez que desgraçadamente a maldição do “Livre Arbítrio” foi usado pelo homem, maculou toda a beleza da criação de Deus. (Gênesis 3. 17) Disse Deus: Visto que atendeste a voz de tua mulher e comeste da árvore que eu te ordenara não comesses, maldita é a terra por tua causa; em fadiga obterás dela o sustento durante os dias de tua vida. Ela produzirá também cardos e abrolhos, e tu comerás a erva do campo. No suor do teu rosto comerás o teu pão, até que tornes a terra, pois dela foste formado; porque tu és pó e ao pó tornarás”.
 Mas o pior de tudo foi a conseqüência da desobediência. (Gênesis 2. 17) Disse Deus:” Porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás. No exato momento em que levaram o fruto a boca, morreram (não fisicamente), mas espiritualmente.

Por isso, todo homem não regenerado, não salvo da maldição do pecado, pelo sangue purificador de Cristo Jesus, ele é um corpo vivo carregando um espírito morto.(Efésios 2. 1) “ Ele vos deu vida, estando vós mortos nos vossos delitos e pecados”. (Ver. 5) “ estando nós mortos em nossos delitos e pecados, nos deu vida juntamente com Cristo,---pela graça sois salvos, e juntamente com ele, nos ressuscitou, e nos fez assentar nos lugares celestiais em Cristo Jesus. (ver. 8) “Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; e isto não vem de vós; é dom de Deus; não por obras, para que ninguém se glorie”. 
Não pode haver palavra mais clara, esclarecedora do que essa! (Que a salvação é por graça mediante a fé) e que nem graça, e nem fé vem de nós, ou seja, não é conquistado por méritos humanos, nem tão pouco por obras, mas é dádiva de Deus.. Bem,......se é Deus quem nos dá os meios de salvação, e ELE quem escolhe os seus eleitos, (João 15. 16) Disse Jesus: Não fostes vós que me escolheste a mim; pelo contrário, eu vos escolhi a vós outros”. Então, porque o homem insensatamente continua a dizer: Eu tenho o Livre Arbítrio para aceitar a Deus, ou para rejeitá-lO. Quem insiste nessa idéia, esta chamando Jesus de mentiroso, é o que está escrito aqui. E quem somos nós para confrontar o Senhor Jesus?......... 
É incrível que depois de milênios passados, o diabo ainda usando a velha sutileza, o velho argumento do (Livre Arbítrio) ainda consiga enganar tanta gente. Veja: Como pode um morto fazer escolha?. Já viram algum defunto reclamar da demora do enterro? Não pode não é verdade? Assim está o homem sem Deus, como poderá fazer escolha, sem que Deus o ressuscite primeiro lhe dando vida, e acima de tudo injetando nele fé capaz para crer. Ora, se é Deus que faz tudo isso, onde está o Livre Arbítrio do homem?.

A minha abordagem aqui não é querer defender doutrinas, e nem tão pouco o meu ponto de vista, mas unicamente falar da verdade da palavra de Deus. Estou embasado unicamente no que está escrito, e se está escrito, já não é pensamento meu, e nem tão pouco doutrina por mim defendida, mas repartir a beleza do amor de Deus que se faz aqui registrar.

Pense seriamente nesta revelação!. E que Deus vos abençoes, em nome de Jesus!
Enéas Cândido Lara

terça-feira, 27 de agosto de 2013

Lar Feliz

UM DEDO DE PROSA!....
Depois de angustiado  meu coração ao assistir as reportagens da violência das ruas, dos crimes hediondos, pai que mata filho, filho que mata os pais, sequestros, estupros, assaltos, pedófilos atacando crianças, drogas, corrupção (.......) corri buscar abrigo no esconderijo do Altíssimo para não ficar "pirado". Porque o que está acontecendo nesses últimos tempos é qualquer coisa assustadora, acho que Jesus já está as portas, porque este mundo está agonizando com terríveis dores. Então, ao entrar na internet deparei com a  gostosa mensagem de paz que refrigera a alma nas consoladoras promessas da palavra de Deus. Se você diante destes graves acontecimentos  sociais , também sente-se entristecido(a), então clica ai, neste hino "Lar Feliz"e descanse nas promessas de tão grande  galardão que nos aguarda, e assim, refeito continuemos a caminhar neste vale de lágrimas, até o dia da nossa chamada para irmos morar neste lindo Pais  que Jesus foi pra nós preparar. Obrigado pela atenção, uma noite abençoada pra você.!!!!!!!!!

O PODER DA FÉ QUE NOS PROPICIA VER O INVISÍVEL!!!


Texto básico: “Pela fé, ele abandonou o Egito, não ficando amedrontado com a cólera do rei; antes, permaneceu firme como quem vê aquele que é invisível”(Hebreus 11. 27)

Vamos  abordar um tema que transcende a limitação da racionalidade humana.  Que é o poder que o crente verdadeiro tem de poder ver  além do horizonte da vida. É um universo restrito que abriga  um contingente de pessoas muito especiais, que a Bíblia relaciona chamando-os de; "OS PRIMEIROS HERÓIS“  (Hebreus 11. 4) No (V. 1) começa o autor dizendo: “Ora a fé é a certeza de cousas que se esperam, a convicção de fatos que se não vêem”.

Se tornou comum o adágio popular que diz: “Não sou Tomé, mais creio só vendo!”. Porque, como explicar algo que foge do contexto racional e humano, algo que se fundamenta naquilo que é imaterial e invisível ? A palavra de Deus nos diz relacionando a vida de grandes homens de Deus do passado, chamando-os de Heróis da fé .No inicio eu disse que é um contingente de pessoas especiais. E o Senhor Jesus classificando-os disse: (João 17. 16)Eles não são do mundo”. Então já dá para começar a entender que é algo sobrenatural e, que estamos entrando num terreno extra humano que foge da nossa capacidade humana normal de poder compreendê-lo. Porque é  fundamentado no mistério do poder supremo do nosso Deus, que concede este privilégio à quem quer.(Romanos 9. 16)

 Mas então como eu posso entender e ver este mistério invisível  de Deus? .Isso só é concedido há pessoas especiais, escolhidas, chamadas, eleitas por Deus.  É só através da dotação preciosa feitas por Deus. (Romanos 12. 3) “Segundo a medida da fé que Deus repartiu a cada um”. Veja bem! Isso é dádiva graciosa de Deus, não entra nenhum mérito humano na conquista da FÉ. É somente Graça, é eleição, chamamento predestinado antes da fundação do mundo. (Efésios 1. 4) .

Portanto se você é um crente que foi transformado, lavado, regenerado  no sangue do Cordeiro, também pela fé pode ver o invisível de Deus, então assim; glorifique-O humildemente com gratidão, a preciosa dádiva recebida. 
Porque você esta fazendo parte da galeria gloriosa dos redimidos da graça de Deus. E assim; como nossos irmãos do passado, temos também hoje enfrentado aflições da vida numa sociedade violenta, corrupta, injusta, adultera, onde impera a maldade, o desamor, crimes hediondos, e temos que conviver no meio disso tudo e, não é por acaso que nosso coração é invadido vez por outra, de uma profunda tristeza mas, encontramos consolo e estímulo na vida vitoriosa dos grandes heróis da fé, como o apostolo Paulo, que preso com grilhões que feriam seu corpo numa prisão de Roma, sentenciado a morte contudo, podia ver o Invisível da coroa  da vida, e disse:

Combati o bom combate, terminei a carreira , guardei a fé”. Agora me está reservada a coroa da justiça, que o Senhor, justo Juiz, me dará naquele dia; e não somente a mim, mas também a todos quantos amam a sua vinda”. (2 Tim. 4. 7/8). Quão prazeroso, confortador, estimulante é a nós olharmos para a vida desses homens de Deus. 
Também quero falar de um grande servo de Deus do passado chamado João Bunyan, preso numa cela escura pode sonhar com um lindo palácio e uma cidade celestial,  e assim, transferir para as páginas consoladoras da sua grande obra cujo titulo é: O PEREGRINOquem já teve a oportunidade de ler esta obra pode perceber o diferencial deste servo de Deus. Nem as limitações e os sofrimentos daquelas paredes, que o aprisionavam não impediram ele de ver o glorioso Invisível de Deus Assim também, o que teria levado o médico e missionário David Livingstone, deixar o conforto da sua casa e embrenhar no coração da selva Africana, renunciando tudo por amor aos indígenas perdidos? Isso tudo porque também podia ver o Invisível.

 O homem natural só pode ver as coisas terrenas, circunstanciais, falíveis, temporais e por elas é que lutam, mas, o homem espiritual é diferente ele tem o privilégio de contemplar o eterno, porque ainda que circunstancialmente tenha que andar com os pés na terra, pode vislumbrar o invisível glorioso das moradas celestiais, habitação da sua eternidade com Cristo Jesus .
 O Senhor Jesus falando a respeito destes que pela misericórdia de Deus foram escolhidos, eleitos, separados e comprados pelo mais alto de todos os preços, o sangue do Unigênito Filho de Deus, que nos purifica, transforma, regenera e nos torna santos, dignos de sermos recebidos por Deus o Pai para habitarmos com Ele por toda a eternidade. É por isso que Jesus disse: Eles não são daqui, como eu também não sou.  Pertencemos à uma outra Pátria, a Celestial.

 Diante disso,  somos invadido pelo mesmo sentimento  que teve Davi ao escrever o (Salmo 143. 6):A minha  alma anseia por ti, como terra sedenta” 
Se sentirmos na verdade que somos integrantes da gloriosa galeria dos redimidos por Cristo Jesus, então, com o coração inundado de grande jubilo glorifiquemo-LO alegremente Aleluia!!!!!!!!

Enéas Cândido de Lara


sábado, 24 de agosto de 2013

LIVRE ARBÍTRIO: UMA HERESIA DIABÓLICA!!!

Quando o homem afirma que tem o poder de fazer escolhas, e que também tem o direito de escolher ou rejeitar a Deus, está orgulhosamente tentando roubar  de Deus o que Ele tem de mais bonito, que é o Seu imensurável amor manifestado,  e a Sua soberania sobre toda a criação.

O que significa a expressão; “Livre Arbítrio? É  a capacidade de tomar decisões por si próprio, ou seja; é independente de qualquer ajuda, e ou; interferência. Muito bem, se dissermos que temos o poder para fazermos escolhas, e tomarmos decisões, então estamos afirmando que estamos vivos e, temos viva as nossas faculdades mentais, físicas e, acima de tudo no caso aqui; as espirituais.
 (Gênesis 2. 17)”Disse Deus: “da arvore do conhecimento do bem e do mal não comerás; porque, NO DIA em que dela comeres, “CERTAMENTE MORRERÁS”. O homem comeu. Ele morreu ou não? se não morreu então Deus mentiu!

Como é impossível Deus mentir; então, o homem de fato morreu (Espiritualmente) só continuou vivo na carne, mas com o espírito morto, e nessa condição não pode fazer nenhuma escolha Espiritual, mas somente humana, mesmo porque um morto não tem vontade, desejo, e muito menos iniciativa.
Veja o que o apostolo Paulo falou: “Estando vós mortos nos vossos delitos e pecados(Efésios 2. 1) De que morte fala Paulo? Evidentemente da Espiritual.

 Dessa forma, dizer que o homem tem Livre Arbítrio para escolher Deus, ou rejeitá-lo, é um absurdo teológico que manifesta acima de tudo, um sentimento orgulhoso sinal da sua herança maculada que se corrompeu pela nódoa maldita do pecado no (Éden), tornando-o em um rebelde, mediante a fatos consumados da sua queda e, de sua total depravação, o qual agora depende exclusivamente da misericórdia de Deus para sua restauração, e que somente Deus pode fazer. Por isso o Senhor Jesus disse: Ninguém pode vir a mim se o Pai, que me enviou, não o trouxer”(João 6. 44)
 Veja bem as palavras de Jesus: SE O PAI NÃO O TROUXER NINGUÉM PODE VIR A MIM  Na língua original Grega a palavra “TROUXERsignifica impingir força irresistível sobre algo como pegar e arrastar. É isso que o Espírito Santo faz na vida de um eleito, e escolhido por Deus para a salvação.  O seu trabalhar é CONVENCER O PECADOR DO SEU PECADO, e nisso Ele é IRRESISTÍVEL, Independendo de qualquer ação humana.
 “Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; e isso não vem de vós; é dom de Deus; não de obras, para que ninguém se glorie(Efésios 2. 8-9).

 Preste atenção: Quando nós inflados pelo maldito pecado do orgulho, dissermos que foi por nosso Livre Arbítrio que aceitamos Jesus, estamos deturpando as Escrituras, e anulando a intervenção graciosa de Deus para com o pecador perdido. Pois somos feitura dele, criados em Cristo Jesus para as boas obras, as quais Deus de ANTEMÃO preparou para que andássemos nelas”(Versículo 10).Você entendeu?

Então, como podemos afirmar que temos Livre Arbítrio? Se é o Pai que toma a iniciativa de escolher e trazer o pecador como um presente para Jesus salvar. Mas o mais maravilhoso é saber que é Ele quem decide quem quer salvar.(Romanos 9.16)”Assim, pois, não depende de quem quer ou de quem corre, mas de usar Deus a sua misericórdia” E também é extremamente confortador saber que Ele salva o seu escolhido nem que este lhe ofereça resistência. Porque salvação não é para quem quer, mas para aquele que Deus quer salvar.Todo aquele que o “Pai me dá”, esse virá a mim; e o que vem a mim; de modo nenhum lançarei fora”(João 6. 37).

Que você meu amigo e irmão possa ter entendido o imensurável amor de Deus no seu trabalhar para resgatar a alma perdida, a qual Ele escolhera antes da fundação do mundo.(Efésios 1. 4) Ele tomou a iniciativa, pagou o alto preço, e enviou o seu Espírito Santo para ressuscitar, convencer e salvar. Se você foi alvo dessa graça, fique sabendo que não foi por nenhuma decisão sua. Agora, se você veio a Jesus tão somente por conta do seu “Livre Arbítrio”, então você entrou na festa sem ser convidado, e segundo a parábola contada por Jesus, quando Ele vier identificará aquele intruso e, este será amarrado e jogado nas trevas, ali haverá choro e ranger de dentes”(Mateus 22. 13) 
Porque Jesus disse: “Ninguém pode vir a mim, se o Pai que me enviou não o TROUXER” E se você realmente foi trazido por Deus, onde está o teu Livre Arbítrio?
 
Pense nisso!!!!!!
Enéas Cândido Lara


quarta-feira, 21 de agosto de 2013

UMA INDISCUTÍVEL PRIORIDADE DO CRISTÃO!!!

Mas recebereis poder, ao descer sobre vós  Espírito Santo, e sereis minhas testemunhas tanto em  Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria e  até aos confins da terra”. (Atos 1. 8)

Com essas palavras instituía o Senhor Jesus a Sua igreja,  fonte de propagação pelo qual a gloriosa mensagem de salvação através do Seu sacrifício feito, fosse levada ao conhecimento de todo o mundo. A Sua imperiosa determinação nos incumbe diretamente a cada um de nós hoje, seus discípulos, a responsabilidade de sermos testemunhas segundo o que relata (Marcos 16. 15)”Ide por todo o mundo e pregai o evangelho a toda criatura”. Nós individualmente somos a igreja do Senhor, comissionados, eleitos, e enviados ao mundo para pregar a boa nova de salvação que somente em Cristo Jesus se pode encontrar.

Infelizmente vivemos dias em que a igreja têm- se preocupado e investido em inúmeras atividades, projetos, mas ignorado o seu principal papel  e responsabilidade de ser  testemunha na pregação do genuíno evangelho, simples mais gloriosamente  salvador que o Senhor Jesus consumou na cruz do calvário. A mensagem salvadora da Cruz é a única razão pela qual Cristo morreu. Não conseguimos  contudo, automaticamente essa dotação, como também não fomos chamados por acaso, mas foi um empreendimento divino que precedeu o tempo, a história, e a própria criação do mundo.

 “Assim como nos escolheu, nele, antes da fundação do mundo, para sermos santos e irrepreensíveis perante ele; e em amor nos predestinou para ele, para a adoção de Filhos, por meio de Jesus Cristo, segundo o beneplácito de sua vontade (Efésios 1. 4). Foi  um preço tão caro que custou a Deus a vida do seu próprio Filho na humilhação, na dor das feridas profundas, suor, sangue e zombarias.
Quando nós igreja do Senhor não estamos totalmente compromissados prioritariamente com o “IDE E  PREGAI”, somos então, uma igreja que demonstramos uma das atitudes mais desprezíveis que é, "INGRATIDÃO", por  não reconhecer o imensurável amor manifestado que recebemos  de Deus na dádiva do Seu Unigênito Filho o Senhor Jesus Cristo.
Pense nisso!!!!!!!


Enéas Cândido de Lara 

sábado, 17 de agosto de 2013

A DECISÃO MAIS IMPORTANTE DA NOSSA VIDA!!!

Existem duas realidades imutáveis no caminho de nossas vidas.  "O CÉU E O INFERNO"  qual é a sua escolha?
 


Para chegarmos  no  céu, temos que renunciar o mundo e  sua glória, fazendo morrer a nossa carnalidade nos desejos e na cobiça dos olhos  e, nas paixões mundanas.
 "E os que são de Cristo crucificaram a carne, com suas paixões e cuncupisciências"( Galatas 5. 24) para vivermos no Espírito uma vida santificada para sermos parecido com Deus que, disse: "Sede santos como eu também sou santo" (I Pedro 1. 16)

 Assim também, levar  uma vida devotada a aquele que para nos resgatar morreu numa maldita Cruz , derramando ali o seu sangue purificador que nos lava de todas as nossas injustiças e pecados.
"O sangue de Jesus o Seu Filho nos purifica de todo o pecado"(I João 1. 7) o qual  também disse: "Porque Deus amou o mundo de tal  maneira que deu o seu Filho unigênito, para que  todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna"(João 3. 16) Você quer ganhar a vida eterna e  ir morar no céu? Então só tem um único jeito, arrepender-se  sinceramente de teus pecados  confessando-os a Cristo Jesus, o único salvador e autor da nossa salvação.  Porque se não o fizer assim, então infelizmente só lhe resta a opção abaixo.

Disse Jesus: "Que o inferno é um lugar de fogo inextinguível, onde não lhes morre o verme, nem o fogo se apaga.(Marcos 9. 44)  mas isso não é tudo, porque quem for jogado ali, fica paraplégico da cabeça para baixo, sem nenhum movimento , enquanto o fogo queima por fora , o bicho come por dentro. Isso quer dizer, é uma dor insuportável dentro das entranhas  que nunca terá fim.
 E Jesus disse que é por toda a eternidade. Você não vai querer  ir para lugar de um indescritível sofrimento não é mesmo?  O amor tão grande de Deus providenciou uma gloriosa saída. Ele deu o que tinha de mais precioso para evitar que você fosse condenado a esse lugar de sofrimento eterno. Ele deu o seu Unigênito Filho Jesus, para morrer em teu lugar, e assim pela fé no seu sacrifício você pudesse ser salvo. Veja o que disse Jesus: "Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai senão por mim" (João 14. 6).
Agora se você não quiser aceitar a graciosa oferta de Deus, então continue no caminho do mundo,  este é um caminho em que você não encontra nenhuma dificuldade, nenhuma exigência, nenhuma renuncia muito pelo contrário, é um caminho largo espaçoso, convidativo, sedutor, onde somente é se deixar levar entregando-se aos prazeres do mundo, se inebriando com a alegria do aqui e agora, na liberdade do vamos aproveitar a vida, porque amanhã a gente morre.

 A palavra de Deus nos diz:"Ora, as obras da carne são conhecidas e são: prostituição, impureza, lascívia, idolatria, feitiçarias, inimizades, porfias, ciúmes, iras, discórdias, dissensões, facções, invejas, bebedices, glutonarias, e cousas semelhantes a estas, a respeito das quais eu vos declaro, como já outrora, vos preveni, que não herdarão o reino de Deus os que tais cousas praticam" (Gálatas 5.. 19- 21)

Ouça o conselho de Deus através da sua palavra: Hoje, se ouvirdes a sua voz, não endureça o vosso coração"(Hebreus 4. 7)
Que Deus vos abençoes em nome de Jesus!!!!!!!

Enéas Cândido de Lara







quinta-feira, 15 de agosto de 2013

QUAL É O TEU NOME ?




Na historia do povo de Deus o nome a ser escolhido e a ser dado ao filho que nascia, era algo muito importante, era as manifestações e as circunstancias que  o determinavam . (Gênesis 21. 6)  Abraão colocou o nome no seu primeiro filho de Isaque; que quer dizer: Riso; Alegria, vitória. Isso porque, depois de perdidas já as esperanças quando amortecidas eram já a sua carne, com 99 anos de vida e, quando Sara ha muito tinha cessado o costume das mulheres, ou seja, a sua menstruação, o que em tal circunstancias humanamente era impossível admitir uma gravidez. 

Mas o nome também era dado até por características físicas como por exemplo: Esaú, que quer dizer:  “Cabeludo. (Gênesis 25. 25).  Assim, como também  foi dado á  seu irmão o nome de Jacó; que quer dizer, oSuplantador  por ele desde o ventre lutar com seu irmão, e nascer segurando-lhe o calcanhar.
 É neste personagem que vamos focalizar nossa meditação agora.
        
 Acho que o nome  Jacó caiu lhe como uma luva, porque ele foi exatamente o que seu nome significava. ”Suplantador, aquele que para conquistar seus objetivos não tinha escrúpulos.  Se mentir, trapacear, enganar,  ser ardiloso,  impiedoso isso ele fazia com grande naturalidade . (Gênesis 25 .30Aqui vemos a insensibilidade ao aproveitar da fraqueza do seu irmão para se apossar da sua  primogenitura.  E como, (um abismo chama outro abismo),  ele teve que continuar mentindo e enganando. E até seu próprio Pai foi vitima  das suas mentiras e armações ardilosas. Como Suplantador continuou vivendo pela vida, enganando e trapaceando e até seu sogro Labão que o acolheu foi vitima das suas espertezas.
 Mas a sua trajetória de espertalhão, chegou ao fim quando resolveu voltar para sua terra. Ele tinha construído uma grande família, e muitos bens, mas retornando chegou ao vau do Jaboque. Ali atravessou toda a sua família em segurança, e ficou só. (Gênesis 32. 24Diz o texto que lutava com ele um homem a noite toda até ao romper da aurora. E esse homem era Deus
 O interessante dessa descrição, é que como Jacó o Suplantador, ele possuía a tempera dos bravos e destemidos, e o (Ver. 25) diz; "Que o homem Deus teve que tocar na sua articulação deslocando a sua perna, ou seja, inutilizando-a para que pudesse controlar o seu ímpeto.
Então Jacó com uma perna só, com dores terríveis, com que sofrimento além das forças humanas ele lutava com Deus. Ele  superava os limites humanos, porque ele sabia exatamente com quem estava lutando, e que aquela era a sua chance de reconciliação com Deus.

 (Ver.26) No auge da acirrada luta O Homem Deus disse: “Deixa-me ir, pois já rompeu o dia”. Respondeu Jacó: “Não te deixarei ir se me não abençoares. Deus então, antes de conceder-lhe a benção era necessário que ouvisse uma indispensável confissão. Deus então pergunta: “Como te chamas? Ou seja, qual é o teu nome? . Ele então respondeu: Jacó. Deus queria ouvir dos seus lábios a confissão, de quem era ele, o suplantador, o enganador, trapaceiro, mentiroso porque ali naquele momento, Deus mudaria a sua historia, o seu caráter e acima de tudo o seu nome.
Uma importante lição aprendemos aqui: Que o perdão de Deus só é concedido mediante o sincero arrependimento e a confissão.

Há!........quando nós encontramos com Deus tudo muda, porque a primeira coisa que temos que fazer é responder  a sua pergunta: Qual é o teu nome? Ou seja; Qual tem sido o teu caráter? Porque é só através de uma arrependida confissão de todo o nosso pecado, toda a nossa nojenta historia de vida pecaminosa, tudo aquilo que éramos, nesse momento então, cai por terra,  nossa vida é transformada, nossa historia reescrita, e essa mudança tem que ser total, tanto que Deus começa mudando-lhe  o seu nome.
 Hoje vivendo na era da graça não é diferente, se realmente encontramos com Deus, tem que ocorrer profunda e radical transformação de vida, recebemos uma  nova vida porque nascemos de novo, já não somos mais o que éramos mais somos nova criatura recriada em Cristo Jesus nosso Senhor e Salvador.

Deixa eu fazer-te uma pergunta. Você já respondeu a pergunta de Deus?  Já lhe disse quem és de verdade ? Jacó para receber a benção de Deus teve que confessar, não adiantou lutar com Deus a eternidade de uma noite, ele só conseguiu o que queria depois que  respondeu  a pergunta.------Eu sou Jacó, o suplantador ! 


Para você Pensar!......................

segunda-feira, 12 de agosto de 2013

DOCE É A LUZ, E AGRADÁVEL AOS OLHOS, VER SOL !!!

Dia lindíssimo de um céu incrivelmente azul, onde o Sol astro Rei, brilha intensamente na Capital de São Paulo, nesta segunda feira. Olhando para este céu de pigmentação  azulada, de mistérios ocultos que Deus criou, a nossa visão é empanada, mas o Criador nos presenteou com  a beleza impar do aquecedor, refulgente, incontemplavel  presença do Sol. Nós podemos através das belezas criadas por Deus;  vê-LO, conhecê-LO, e podermos adorá-LO na beleza de Sua Santidade. É isso que o poeta sacro escreveu:

Se nos cega o sol ardente,
Quando visto em seu fulgor,
Quem contemplará aquele
Que do sol é criador?

Patriarcas e profetas
Não puderam-no avistar!
Nem teve o poder  de vê-lo
Adão antes de pecar.

Luz, pra qual a luz é trevas,
Quem te pode contemplar?
Nossos olhos, nus, humanos,
Não te podem encarar!

Fogo em cima da arca santa,
 Sarça ardente do Sinai,
Eis figura, só, da gloria
Do  Senhor, do Eterno Pai.

Para termos nós com Ele
Franca e doce comunhão,
Cristo, o Filho, fez-se carne,
 Fez-se nossa redenção.

Para que na gloria eterna
Nós vejamo-lo sem véu,
Cristo padeceu a morte,
Um caminho abriu pra o céu.
A.J.S.N.


sábado, 10 de agosto de 2013

O CAMINHAR SEGURO NAS PEGADAS DO BOM PASTOR!!!

 “PORQUE DEUS AMOU O MUNDO DE TAL MANEIRA QUE DEU O SEU FILHO UNIGÊNITO, PARA QUE TODO O QUE NELE  CRÊ NÃO  PEREÇA, MAS TENHA A VIDA ETERNA”(João 3. 16)

Qual é o tamanho do amor de Deus?  Racionalmente é incompreensível, excede a nossa capacidade de poder mensurá-LO.  Entretanto a nós foi manifestada  de forma tão grandiosa divina , quando para salvar a Sua criatura perdida pela desobediência, Ele se prontificou a pagar o mais alto de todos os preços para salvá-la.

Qual era o preço do resgate?---O sangue derramado de um justo.
Ai só tinha um jeito, a gloriosa manifestação do divino e imensurável amor do Pai, na doação do Seu Unigênito Filho Jesus Cristo, para que com a Sua vida ofertada em sacrifício naquela maldita cruz, derramasse ali o seu sangue, e assim, poder purificar a todo aquele que pela fé o receber como único e suficiente salvador de sua alma. Foi o próprio Jesus  que avaliou tamanha grandeza de amor quando disse: Ninguém tem maior amor do que este: de dar alguém a própria vida em favor dos seus amigos”(João 15. 13).

O Senhor Jesus disse: “Vós sereis meus amigos, se fazeis o que eu vos mando(João 15. 14) Veja! que o Senhor Jesus estabeleceu um condicional, que para ser Seu amigo, ou seja, ter parte com Ele é preciso ser cumpridor dos Seus mandamentos.  O amor com que o Senhor Jesus nos amou foi divino, despojado, sacríficial amando mais o perdido pecador, do que a si mesmo, e Ele disse : O meu mandamento é este: que vos ameis uns aos outros, assim como eu vos amei”(João 15. 12)
 Ó... quão grande e profundo é este mandamento! Que se torna em dívida nossa e responsabilidade para com o nosso próximo.
Hoje em dia muitas pessoas afirmam amar Jesus, mas será que tem cumprido o que Ele mandou fazer? Será mesmo que temos amado o nosso próximo  como a nós mesmos?

-----Conta-nos a história que em certa cidade da China as autoridades construíram uma praça para o lazer da população  e, como ainda não tinha sido concluído a proteção dos muros, uma vez que o lugar era montanhoso e tinha um grande precipício ao lado e, que se alguém viesse a cair de lá certamente morreria. Então contrataram um vigia para ficar ali avisando as pessoas para não se aproximarem daquele lugar perigoso. Um dia um homem com problemas visuais entrou naquela praça e começou a andar naquela direção, e não se sabe porque aquele vigia não o avisou do grande perigo que corria andando naquela direção. Então este homem veio a cair e morrer. Este vigia foi preso e condenado sumariamente por omissão de socorro, acrescido de falta de cumprimento do dever, falta de humanidade, de amor para com aquele homem que tendo dificuldade para enxergar o perigo veio a morrer.

Quando o Senhor Jesus se preparava para voltar para o Pai, Ele reuniu os Seus  discípulos e lhes incumbiu uma imperiosa e impostergável  missão: IDE por todo o mundo e pregai o evangelho a toda a criatura(Marcos 16. 15 Essa delegação é individual, intransferível, urgente para todos os que pela fé encontraram em Cristo Jesus a salvação.

 Na ultima pesquisa do (IBGE) verificou-se que o Brasil tem (+- 193 milhões de Brasileiros) dos quais (42 milhões são evangélicos) portanto existe (151 milhões de Brasileiros) que ainda não conhecem Jesus o Salvador. Que números preocupantes e desafiadores são estes! O Senhor Jesus disse: “Porquanto Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que julgasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele. Quem crê não é julgado; o que não crê já está julgado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus. Por isso, quem crê no Filho tem a vida eterna; o que, todavia, se mantém rebelde contra o Filho não verá a vida, mas sobre ele permanece a ira de Deus(João 3. 17-18-36).

Como nós sendo servos do Senhor Jesus podemos vivermos indiferentes a estes milhões de compatriotas nossos,  que todos os dias só na cidade de São Paulo morrem (+- 350 pessoas  por dia) e muitos passam para a eternidade sem terem sido avisados do grande perigo, que é fazer  esta passagem  sem  ter Jesus como o salvador. Eu e você meu irmão estamos vendo tudo isso acontecer ao nosso lado e o que temos feito?  Onde está o nosso amor, e o cumprimento do mandamento que o Senhor Jesus nos outorgou?:Ide e pregai o evangelho a todo o mundo”. 
Um dia nós vamos ter que encontrarmos com Jesus, e desse encontro ninguém escapará, como vamos encará-LO? Se passamos pela vida como servos omissos, negligentes, infiéis, improdutivos na Sua  obra!
 Veja bem! O Senhor Jesus disse: que  somente é amigo dele aquele que faz o que Ele mandou”(João 15. 14) A maior manifestação de amor que podemos demonstrar ao nosso próximo  em cumprimento do mandamento do Senhor é:  falar para ele do evangelho da graça que, somente em Cristo Jesus  se pode encontrar.
Pense nisso!

Enéas Cândido de Lara

terça-feira, 6 de agosto de 2013

O VERDADEIRO AMOR QUE NOS FAZ IMITADORES!!!

Texto Básico: (Efésios 5. 1)
"Sede imitadores de Deus como Filhos amados"

O grande filósofo Aristóteles discípulo de Platão, disse que imitar é algo congênito no ser humano. Já nascemos com essa forte tendência para imitação. É justamente o que comprovei certo dia estando sentado em uma praça de alimentação de um grande Shopping na cidade de São Paulo. Enquanto aguardava a garçonete  trazer meu pedido, observava ao meu lado muitos jovens que possivelmente fossem torcedores do time do (Santos Futebol Clube) e ou, simpáticos do  jovem atleta Neymar. Porque, um grande numero deles usavam o mesmo corte de cabelo (diga-se de passagem um tanto estranho) mas, que fez a cabeça dos adolescentes, jovens, e até de pessoas de maior idade.

Então, ponderei nas razões das pessoas para imitar uma outra. Talvez, seja um seu ídolo do esporte, um ator de teatro, telenovelas, um comediante, escritor, poeta etc, etc. Os estudiosos desse comportamento afirmam ser uma atitude complexa, pois vai de uma simples homenagem, até uma doentia e descontrolada paixão que se nutre por seu ídolo. Entretanto, por outro lado o grande apostolo Paulo conhecendo essa tendência humana, e aproveitando este gancho, usa deste fator que nos é natural para trazer-nos uma grande lição.(Efésios 5. 1) Sede imitadores de Deus como Filhos amados

 A grande diferença é, que na imitação humana por outro ser humano, por mais apaixonada que seja, ela é descompromissada, temporal, limitada, falível, restrita as circunstâncias. Contudo, ser um imitador de Deus não depende de fantasias, paixões, forças humanas, vontade própria, e nem tão pouco por merecimento através de boas obras que praticarmos. Depende antes de tudo, da escolha que é feita unicamente pelo próprio Deus.
O Senhor Jesus é que fez esta afirmação.(João 6. 44) Ninguém pode vir a mim se o Pai, que me  enviou, não o TROUXER.
Porque, Deus é Senhor da eternidade e nós não sabemos o porque fomos escolhidos, agraciados, salvos pelo beneplácito de sua vontade. Entretanto,  diferentemente do ídolo e seus seguidores humanos, Deus exige de nós uma total transformação de vida, um comprometimento de tal forma que precisamos nascer de novo, renunciar a nós mesmos, tornando-nos em nova criatura

Deus não aceita seguidores simpáticos, nem tão pouco os pretensos postulantes que dizem crerem, contudo negando-O com suas obras. Para ser um imitador de Deus tem quer ser um seguidor convertido, compromissado, envolvido, que foi capaz de renunciar o mundo e sua gloria visível, palpável por uma invisível estabelecida num futuro porvir. E só pode fazer isso, aquele que foi tocado pela ação irresistível do Espírito Santo, que o ressuscitou dentre os mortos espirituais, dando-lhe vida e, injetando fé suficiente para crer, abrindo-lhe seus olhos para contemplar a graça maravilhosa do amor imensurável do nosso tão grande Deus. Porque, antes de tudo, não é por vontade própria, e ou, por decisão pessoal, muito pelo contrário é chamamento, é escolha, eleição predestinada que ocorreu antes da fundação do mundo por decisão unicamente de Deus.(Efésios 1. 4) “Assim como nos escolheu nele, antes da fundação do mundo, para sermos santos e irrepreensíveis perante ele; e em amor nos predestinou para ele, para adoção de filhos, por meio de Jesus Cristo, segundo o beneplácito de sua vontade”.

Se você meu querido irmão, é hoje um seguidor, cuja persistência de vida seja imitar a Santidade de Deus, não se orgulhe disso, mas tema aquele que por misericórdia  Ele operou o milagre da salvação em tua vida. O qual disse: “Sede vós perfeito com perfeito é vosso Pai celeste”.(Mateus 5. 48)
Se por acaso você não tem procurado ser parecido com Deus, na santificação de sua vida, então, nunca o conheceu e está tão longe Dele, tanto quanto o tempo que vivia sem ter ouvido o Seu Santo Nome.
Pense nisso......!
Que Deus te abençoe em nome de Jesus ! Amém.

Enéas Cândido de Lara


sábado, 3 de agosto de 2013

O BATISMO DEVE SER POR IMERSÃO, OU ASPERSÃO?

Figura. 01  "Aspersão"
Figura 02  "Imersão"


Fazendo uma análise profunda da Bíblia, mais precisamente no Novo Testamento, vamos verificar que não existe uma explicita  ordenança  quanto a forma  de se Batizar. Mesmo porque, a forma não tem significado nenhum para Deus, mas sim para o homem.
O Batismo é um ato visível de uma graça invisível que o Espírito Santo opera no coração do homem.  Quando alguém é motivado a procurar o batismo, é porque Deus já operou no seu coração a salvação de sua alma.(salvo á exceções

 Dessa forma o Batismo não é um sinal para Deus, mas sim para o mundo, como testemunho de ser uma nova criatura mediante a fé. 
O Senhor Jesus disse: Ninguém pode vir a mim, se o Pai que me enviou não o “TROUXER”. Portanto  o que se verifica em muitas igrejas são pessoas sendo batizadas,  as quais tomaram a decisão por alguma razão que não a intervenção de Deus  na Sua escolha e no Seu irresistível chamar, pela operosidade graciosa do Espírito Santo, e por isso as suas passagens  pelas igrejas são circunstanciais, e acabam por abandonarem a igreja voltando para o mundo.

Então, precisamos entender que a forma como se aplica o Batismo, não é maior do que o próprio ato, como algumas igrejas defendem ferrenhamente. (Tem que ser mergulhado nas águas) se não for desse jeito não é batismo. Analisando as citações Bíblicas podemos chegar a conclusão que não é a forma o mais importante, tanto uma como a outra forma é perfeitamente aceitável 

Então porque se usa em certas igrejas a Aspersão e não a ImersãoQual é o apoio Bíblico para esta prática?. Vejamos: o batismo no novo testamento é o cumprimento de uma profecia do Velho Testamento. Durante o tempo da lei no Velho Testamento os sacerdotes estavam constantemente purificando tanto o povo, assim como os utensílios para que estivessem purificados adequadamente para a adoração a Deus. Uma coisa interessante é notar que as purificações eram feitas por Aspersão, ou derramar sobre, nunca por Imersão.

 Em (Números 8. 7)Assim lhes farás, para os purificar: esparge sobre eles a água da expiação.....e se purificarão”.  Muitos dos os estudiosos Cristãos concordam que esta é uma profecia do novo Pacto com Jesus e da salvação que Ele nos traria. Faça uma comparação dos textos: (João 3. 5 + Tito 3. 5-6  e Ezequiel 36. 25)quando aqui Deus disse: “Então aspergirei água pura sobre vós, e ficareis purificados; de todas as vossas imundícias e de todos os vossos ídolos vos purificarei”
Por isso tudo, chegamos a conclusão de que o batismo do Novo Testamento é antes de tudo um símbolo para identificação humana, que em si mesmo não tem poder de salvação, porque o que nos lava completamente de todas as nossas iniqüidades não é a água do batismo, mas é o Sangue precioso de Cristo Jesus (I João 1. 7)”.......E o sangue de Jesus Cristo nos purifica de todo o pecado”

Como não podemos mergulhar no sangue de Jesus, mas como diz (Êxodo 24. 8)Então, tomou  Moisés aquele sangue, e o “ASPERGIU” sobre o povo, e disse: Eis aqui o sangue da aliança que o Senhor fez convosco.... também nos mostram que o Aspergir é um modo de batismo Biblicamente mais adequado que retrata o trabalhar de Cristo Jesus.

Veja: Hebreus 9. 21-22: “Igualmente também "ASPERGIU"  com sangue o tabernáculo  e todos  os utensílios  do serviço sagrado. Com efeito, quase todas as cousas, segundo a lei, se purificam com sangue; e, sem derramamento de sangue, não há remissão”. Ainda Hebreus 12. 24: “E a Jesus, o Mediador da NOVA ALIANÇA, e ao sangue da ASPERSÃO que fala cousas superiores ao que fala o próprio Abel”. Também em ( I Pedro 1. 2)Eleitos, segundo a presciência  de Deus Pai, em santificação do Espírito, para a obediência e a ASPERSÃO do sangue de Jesus Cristo, graça e paz vos sejam multiplicadas

Se somos salvos pelo derramar do sangue de Cristo Jesus e, o apostolo Pedro nos diz que este sangue é ASPERGIDO sobre nós, então, não se justifica a radicalização de certos seguimentos que não aceitam o Batismo por Aspersão. Isso para mim é contradizer o texto Sagrado.

Que Deus nos ajude e nos dê sabedoria e discernimento para entendermos a Sua palavra, em nome de Jesus.

Enéas Cândido de Lara
Copyright © 2011 Eneas Cândido de Lara. Template customizado por Meri Pellens. Tecnologia do Blogger