sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

VOCÊ JÁ FEZ A DEUS SEMELHANTE PEDIDO ?


Ao iniciarmos mais Um Novo Ano de vida que possamos fazer este mesmo pedido:
(Salmo 139. 23) Sonda-me, ó Deus, e conhece o meu coração; prova-me, e conhece os meus pensamentos, e vê se há em mim algum caminho mau”.

Será que tem havido em nós tanta fé quanto Davi tinha que ele pediu; "Sonda-me ó Deus (vasculha todo o meu ser), e vê se há em mim algum caminho mau" . Que nós possamos estar pedindo a Deus a luz reveladora do seu Santo Espírito, para que possamos  ver, assim como Ele nos vê a nós.  Não estamos tentando descobrir, e nem tão pouco preocupado com o que o mundo pensa de nós.  Podemos ter até o privilegio  de ser bem sucedido na vida,  as pessoas podem nos elogiar, enquanto Deus condena, ou podem condenar, enquanto Deus o aprova e se alegra em nós. 

Porque o homem olha para a aparência, mas Deus vê o coração.  O desejo imprescindível que devemos ter é, se preocupar com (O que Deus esta vendo em nós) Porque de maneira nenhuma escaparemos daquele momento de ficarmos frente a frente com Deus. Então; Ele vai perguntar: "O que você fez com a vida que eu te dei"?  Todos os nossos segredos estarão desnudos, até aquele que nós abrigamos no recôndito mais incrustado da alma. A mascara que pode nos esconder dos homens, não esconderá de Deus.  É mais prudente descobrir hoje o que Deus pensa de nós, e não deixarmos para amanhã, postergando essa decisão. É melhor enquanto á tempo passarmos pela “balança” de Deus, e se achados em falta, avaliar aquilo que carecemos e, imediatamente concertar as nossas vidas perante Ele. E para isso, eu tenho que me fazer essa pergunta.
 “O QUE DEUS ESTA PENSANDO DE MIM?”.                                     

Quando Deus tem olhado pra nós, o que Ele tem visto em nós?
Temos sido para Deus a razão da sua alegria?
Temos vivido uma vida santificada em que as pessoas quando olha pra nós, tem visto em nós  a luz que refulge a santidade de Deus, alguém diferente cuja vida tem refletido o resplendor da  sua misericórdia?
Como nós temos obedecido a sua palavra. ?
As nossas atitudes e o nosso comportamento tem-lhe agradado?
A nossa consciência  esta em paz? 
Temos  o coração, triste quando tomamos certas decisões ou, vamos a certos lugares? Temos abdicado do mundo e sua gloria por amor a Jesus?
É bom que a gente não esqueça, que o Senhor Jesus por tão grande amor abandonou a gloria do Céu, o poder supremo sobre todas as coisas para vir a  este vale de lágrimas, sujeitar a humilhação ao fazer-se humano, para pagar no  suplicio do calvário, o preço do nosso pecado fazendo-se maldito no meu, e no teu lugar. 
AOS OLHOS DE DEUS TEMOS  CRESCIDO ESPIRITUALMENTE?
Estamos Sentindo melhor este Novo Ano do que o ano passado?
 Jesus a cada dia tem-Se tornado mais real em nossas vidas?
 As pessoas que de nós se aproximam tem notado diferença em nós?
 As velhas fraquezas da carne tem sido subjugadas pela operosidade do Espírito Santo, que se faz sentir em nossa vida?
E  aquele pecado costumeiro que sempre nos vencia, agora temos o derrotado?
É comum nós dizermos que o Senhor Jesus nos satisfaz. Mas se nós fizermos a pergunta ao contrario, será que Jesus está satisfeito com cada um nós?

 O importante meu irmão, é o que o Senhor Jesus está pensando de nós. O que Ele vê em nós. Será que podemos dizer que a nossa vida tem sido a alegria do Senhor, ou temos lhe entristecido com nossas fraquezas e pecados? Quando nós recorremos a historia dos grandes homens de Deus do passado, nós podemos constatar que eram homens comuns como nós, sujeitos as fraquezas naturais da carne, tinham altos e baixos, e nem o Pai da fé Abraão escapou de fraquejar. Mas existiu um homem que foi o “Orgulho Santo de Deus". Aquele que Deus olhava para ele e, sentia alegria, tanto que foi a razão da sua manifestada declaração.
 (Jó 1. 8)Disse Deus a satanás: Observaste o meu servo Jó? Porque ninguém há na terra semelhante a ele, homem "Integro e reto, temente a Deus e que se desvia do mal”. Há!....Será que podemos dizer que Deus ao olhar para nós também tem sentido “orgulho Santo,” alegria, como sentia quando olhava para Jó?{......}Todo crente tem que ter o seu coração transbordante de uma imensurável alegria de ter sido escolhido, eleito, chamado por Deus para a salvação, e isso faz de nós um eterno devedor de gratidão por sua  misericórdia e graça.  Que saibamos fazer nossas as palavras de Davi no (Salmo 145.) “Exaltar-te-ei. Ó Deus meu e Rei; bendirei o teu nome para todo o sempre. Todos os dias te bendirei e louvarei o teu nome para todo o sempre.
 Que ao nosso Deus, seja toda gloria, louvor, honra,  majestade pelos séculos dos séculos Amém.

 Enéas Cândido de Lara

2 comentários:

Vanderleia disse...

Meu coração é ruim, o Senhor precisa transformá-lo.
Que esse ano minha intimidade com Ele aumente!
Deus abençoe vc.

Eneas Lara disse...

Oi minha amiga, e irmã Vanderleia! Obrigado pela sempre preciosa visita e comentário. Em nós não existe nenhum mérito para merecermos a graça de Deus, mas o seu amor é tão grande que Ele nos amou mesmo assim e, por nós quis pagar o mais alto de todos os preços pra nos salvar. Veja o quanto somos privilegiados por este amor tão lindo, tão antigo, e tão presente. Aleluia!!!!!!!

Postar um comentário

Copyright © 2011 Eneas Cândido de Lara. Template customizado por Meri Pellens. Tecnologia do Blogger