quinta-feira, 14 de maio de 2015

QUANDO DEUS FALA ATRAVÉS DAS TEMPESTADES !


Texto Básico: (Tiago 1. 2-3) Tende por motivo de toda  alegria o passardes por varias provações, sabendo que a provação da vossa fé, uma vez confirmada, produz perseverança”.

Certo homem cristão de baixa renda resolveu investir todas as suas economias na construção de uma casa de madeira. Ele dedicou todo o seu tempo, seu dinheiro, esmerou no capricho para que ela ficasse bela,  à despeito da simplicidade. E ela ficou. A bela casa passou a ser o orgulho e a realização daquele homem. Algum tempo depois de ter edificado a casa, veio uma forte tempestade com ventos e derrubou-a. A frustração do pobre homem gerou rebeldia e, como conseqüência, ele deixou de ir à igreja. Então o velho pastor da igreja que este homem frequentava  foi visitá-lo, para investigar o motivo das suas faltas. Ao ser perguntado, então respondeu: “Como é que eu posso voltar para a igreja e adorar um Deus que permitiu que uma tempestade destruísse minha única casa, abrigo da minha família. 

Aquela pergunta fez o pastor pensar por alguns instantes para depois responder:Deus ama a você mais do que a sua casa. Ele sabe que a casa só permanece edificada sem a tempestade, mas, Ele também sabe que para edificar os melhores homens é imprescindível que venham as tempestades. O objetivo de Deus é edificar homens, e não casas”
A palavra sabia deste velho pastor, mostra a validade da provação na vida do crente. Esta é uma das respostas à pergunta. "porque Deus deixou isso acontecer”? Afinal se somos filhos de Deus, porque sofremos?                              
Existem muitas possíveis respostas a esta indagação que tanto perturba a mente de algumas pessoas: Às vezes o sofrimento é simplesmente comum à todos os homens. Jó colocou o seu sofrimento debaixo dessa categoria (Jó 14. 1) Ele não sofria por causa de pecado, mas por estar vivendo numa esfera de pecado. Assim como Jesus sofria como qualquer outro homem, não como pena por algum pecado cometido, mas por assumir nossa humanidade sob a esfera do pecado. As vezes trazemos sofrimentos sobre nós mesmos como resultado de nossas escolhas. Exemplo: perder todo o nosso dinheiro numa mesa de jogos, adquirir câncer de pulmão por 20 anos fumando, contrair vírus da AIDS por praticar sexo promiscuo etc. Entretanto, as vezes o sofrimento na vida de um crente é realmente uma provação que vem do Senhor. 
A provação é um sofrimento porque visa aperfeiçoar o crente, desenvolver o seu caráter (Tiago 1. 2-4). Deus prova a nossa fé, nos coloca sob teste, porque quer que cresçamos fortes ! Assim como o aço é aperfeiçoado no fogo e o atleta por meio de exercícios forçados, as tribulações cooperam para um caráter resistente e apto para instruir e ajudar outros que sofrem. É motivo de alegria, não somente saber que quem suporta a provação é bem-aventurado, mas também por saber que existe uma recompensa imensurável, tesouro glorioso, premio maior a coroa da vida. “Nem olhos viram, nem ouvidos ouviram, nem jamais penetrou em coração humano o que Deus tem preparado para aqueles que o amam( I Coríntios 2. 9)
“Irmãos, tomai por modelo no sofrimento e na paciência os profetas, os quais falaram em nome do Senhor. Eis que temos por felizes os que perseveraram firmes. Tendes ouvido da paciência de Jó e vistes que fim o Senhor lhe deu; porque o Senhor é compassivo e cheio de terna misericórdia.  (Tiago 5. 10-11).
Que Deus te abençoe  grandemente, em nome de Jesus. Amém!

Enéas Cândido de Lara



0 comentários:

Postar um comentário

Copyright © 2011 Eneas Cândido de Lara. Template customizado por Meri Pellens. Tecnologia do Blogger